2011/10/21

Revista Motos Clássicas e Vintage n.º 17


E já temos mais uma revista Motos Clássicas e Vintage, é o número 17 de Novembro de 2011.
Na capa em grande destaque temos uma moto Casal K 276 125 Trial, pois foi a escolhida para a Clássica da Capa. Como se adivinha, isto quer dizer que podemos ver e ler um artigo com 10 páginas, bem como ter um poster nas páginas centrais sobre a 125 nacional de todo-o-terreno. O artigo aborda vários assuntos, desde a contextualização do aparecimento da Casal K 276, o seu historial, as diferenças entre modelos fabricados, dados técnicos e um teste de condução.
Mas há mais assuntos que respeitam a veículos de fabrico nacional, na reportagem sobre o 1.º Encontro de Motos Antigas de Odivelas podemos ver fotos de 3 máquinas que ganharam prémios de "2.ª", "3.ª Melhor 50 cc" e "Melhor Não Restaurada". Já na reportagem sobre o Encontro Nacional da Tocha aparece uma moto Vilar 125 cc (?) restaurada.

Fazem ainda parte do conteúdo:
- Série de pequenos artigos sobre actualidades do mundo das 2 rodas;
- Artigo sobre os 20 anos da Honda Fireblade;
- Reportagem sobre o 7.º Passeio às Areias da Vagueira;
- Apresentação do restauro de Garelli Mosquito 50 Sport 1963;
- Artigo sobre o encontro de clássicas de competição International Island Classic 2011;
- Artigo sobre Bernardo Ferrão - Pioneiro do MX nacional;
- Reportagem sobre a Concentração Jawa & CZ em Santo Tirso;
- Reportagem sobre o 11.º Encontro do Pinhal Novo;
- Reportagem sobre o 7.º Encontro Solex de Portugal;
- Artigo sobre a marca Ariel - Parte I, na secção "Histórias da história das motos";
- Reportagem sobre o Troféu Nacional de Clássicas Fuchs Silkolene Estoril II;
- Artigo sobre Stevie Baker - O primeiro campeão americano, na secção Pilotos Históricos.
Como vem sendo norma, há ainda a tradicional secção das Fichas das Clássicas, onde constam várias nacionais e a secção de anúncios dos leitores.
Já está nas bancas.

(revista gentilmente oferecida pela editora)

1 comentário

Anónimo disse...

Tive uma bela moto portuguesa destas uma CASAL K279 125 TRIAL mesmo igualzinha a esta modelo de 1984 com uma caixa de 6 velocidades e 2 neutros era uma moto fantastica nem uma vez me deixou mal excepto pelo carburador de origem que era mau e eu mandei por um Dellortto moderno que 32 Contos depois reduziu muito os consumos e ainda soldaram-me uma bagageira muito util de uma MACAL avariada na minha Casal e muito campismo fiz com ela e com a minha dama mas como ja tinha um Citroen Saxo Diesel foi pena ter sido vendida em 2005 a matricula dela era ZF-81-73. Se eu encontrar uma igual outra vez e tiver capital para a comprar compro mesmo que saudades que ela me traz sempre.
Marco Santos TAVIRA

Enviar um comentário