2014/04/24

Pala para motorizada: Portugal - 25 de Abril


Pelos vistos o 25 de Abril é já amanhã e pelos vistos o 25 de Abril trouxe a liberdade de expressão.
A liberdade de expressão tem inerente a retórica, que nem sempre existe quando não há liberdade de expressão, especialmente para aqueles que não têm o poder oficialmente.
Pois esta coisa da retórica serve para levarmos a água ao nosso moinho, que por aqui é o mesmo que dizer "mostrar as nossas rodas".
Pois essa coisa da retórica existe em todo o lado, e no mundo dos veículos - antigos ou modernos - abunda, e muito! A imaginação não tem limite, e tudo serve para defender o que se admira ou se quer vender.
Pois adoro quando se lê num livro que uma determinada marca é tão boa, que os entusiastas dessa marca até são capazes de tatuar no seu corpo a marca ou o emblema da empresa que tanto admiram.
Pois a minha retórica diz que isso não é nada, não passando de uma simples subserviência consumista, para alienados que ainda não entenderam que as imagens do filme Mad Max foram aceleradas para parecer que tudo é mais rápido e emotivo. É claro que essa imagem - associada aos feios, porcos e maus, vai ficando cada vez mais reduzida a um punhado de resistentes, a quem doenças como alzheimer, parkinson ou a parte da frente de um automóvel devagar vão fazendo sair de cena. Mas há sempre alistamentos novos para o grupo que está em permanente mutação. As gangas e os cabedais vão dando lugar às roupas de fibras plásticas, aos arcazes nas laterais das motos e aos tubo de canalização a fazer de protecção às plastiquetas ou carbonetas das motos.
Pois nada disto se compara a valores superiores, como ter na sua motorizada de fabrico nacional uma pala no guarda-lamas que diz "Portugal - 25 de Abril".
Para que ninguém se esqueça, pois começa a ser difícil saber que esse dia existiu ou o que ele aparentemente nos trouxe.
Ter uma pala destas no guarda-lamas da sua motorizada é que é tê-los no sítio!
25 de Abril sempre, fashionistas nunca mais!

seja o primeiro a comentar!

Enviar um comentário