2019/01/22

Publicidade à Sociedade Ciclista Lusitana, Lda - 1981


A Sociedade Ciclista Lusitana, L.da, foi criada em 1951, dedicando-se ao fabrico especializado de artigos para ciclismo e motorizadas. Em 1981 completou 30 anos, sendo o facto invocado nesta publicidade antiga impressa no livro V Grande Prémio ABIMOTA - Duas Rodas, de 1981.

Muitos dos acessórios / componentes usados por bicicletas e motorizadas de fabrico nacional eram desta marca, como os travões de corrida "Lusito" e os punhos "Lusito" cross.

Continue lendo...

2019/01/21

Autocaravana Citroen C15 PYC Aventure ao pormenor 3/3


Temos estado a divulgar uma autocaravana Citroen C15 PYC Aventure ao pormenor (ver parte 1 e ver parte 2) e hoje terminamos o trabalho com mais uma série de fotografias.
A Citroen C15 PYC Aventure é provavelmente a mais pequena autocaravana fabricada em Portugal.

Mas como se costuma dizer, não importa o tamanho da coisa, mas sim o que se faz com ela. E com uma autocaravana assim, podem-se fazer muitas coisas e conhecer muitos sítios, mesmo que a passagem entre a cabine do condutor e o espaço da autocaravana, não seja feita com facilidade.

Para muitas pessoas é imprescindível uma autocaravana ter uma casa de banho e esta Citroen C15 PYC Aventure tinha uma equipada com tudo o que é necessário.

Para poupar espaço, o lavatório e a sanita podem-se recolher, ficando dentro do que parece ser um móvel. Assim é possível tomar um duche com espaço e sem molhar partes da casa de banho, que pouco depois poderão ser usadas e que estarão secas.

Para isso basta puxar a parte que se pretende usar e ela fica pronta.
Na imagem anterior podemos ver a sanita que equipa esta viatura. No caso do lavatório, este tem uma reentrância colocada de forma estratégica, onde é possível guardar alguns produtos de limpeza.

A ventilação é indispensável numa autocaravana e especialmente numa casa de banho. Por este motivo há uma janela para o exterior, que pode ser aberta sempre que necessário. E quem quiser até pode tomar banho e ver o que o rodeia!

E para aqueles que acha que a esta autocaravana pode ser apertada, basta abrir o vidro panorâmico na traseira, e o mundo torna-se a nossa casa!
Mais uma vez agradecemos a João Lopes pela disponibilidade em mostrar esta autocaravana.

Continue lendo...

2019/01/20

Envelope da Sereno & Simões, L.da - 1962


Dizia o Victor Espadinha "que tudo são recordações" (...) "é triste viver de ilusões". Para além das rimas em "ões", fica como que uma máxima do dilema de relembrar algo que já foi, não se olhando para o que se é / o que se tem.
Nas imagens vemos um envelope da Sereno & Simões, L.da, de Oliveria do Bairro, datado de 1962.

A Sereno & Simões, L.da, vendia bicicletas, acessórios e era também importadora de material.
No que diz respeito às bicicletas, comercializava as marcas UBEL; Sagres; Nevada e Siera. Vendia ainda bicicletas importadas, da marca Hercules, Rudge e Humber.

Também vendia pneus de marca Siera (em regime de exclusividade) e também pneus Sagres, da CNP.
No envelope foram impressas imagens destes pneus, sendo possível ver o piso que tinham.
No que diz respeito a acessórios, eram distribuidores da marca Gnutti.
Agradecemos a oferta deste envelope a Carlos Martins que tem página no Facebook de venda de peças para motorizadas antigas,

Continue lendo...

2019/01/19

Bicicleta Sirla tipo montanha ref. 9.00.01.11 - Catálogo bicicletas Sirla


As épocas de mudança originam produtos híbridos, onde o passado tenta encontrar-se com o futuro.
É o que parece acontecer nesta bicicleta da Sirla. Tem rodas e guiador que lembram uma bicicleta de montanha (a moda na época), com uma pintura que tem combinação de cores que dão (dariam) um ar jovem e moderno, mas ao mesmo tempo tem um cesto na frente e um suporte de mercadorias que nos levam para as bicicletas pasteleiras ou de passeio. Para além disto, estava equipada com mudanças, tendo os selectores no guiador.
Era uma bicicleta com rodas 26 x 1.75, com a referência 9.00.01.11 no catálogo de bicicletas Sirla - Em cada passeio uma história de amor.

Continue lendo...

2019/01/18

Automóvel Olda em exposição - 26.ª Automobilia de Aveiro / 2018


Parece que foram os faróis quem mandou nas linhas da carroçaria deste automóvel Olda, pois sobressaem no conjunto e fazem a ligação com a zona das rodas.

Este era outro dos automóveis de fabrico português que esteve em exposição na 26.ª Automobilia de Aveiro / 2018.

Ao vivo era possível ver a fluidez das linhas deste desportivo nacional. Vejam na imagem que precede o texto, o que já dissemos anteriormente, os faróis estão colocados de forma avançada, dando um toque especial a este veículo.

Neste momento não tinha emblema na grelha ou no capot (situação que originalmente não seria assim), mas mantinha a marca colocada no topo da zona lateral, entre as portas e as rodas da frente.

As rodas tinham jantes de raios e os pneus escolhidos eram da Camac, que não seriam os que foram usados na época em que este carro foi fabricado, mas sendo pneus de fabrico nacional, acabam por ficar bem no conjunto.

Tanto na dianteira, como na traseira não havia para-choques, solução estética que ajudava a reforçar as linhas curvas da carroçaria. Note-se o pormenor da saída de ar da cava da roda traseira, que está pintado de cor diferente, acentuando a sua existência.

Na frente, o farol da Bosch tinha aro em metal cromado.

Na parte do capot havia uma correia em couro que servia para fechar o acesso à zona do interior da carroçaria. Aqui há um elemento gráfico a branco, onde em tempos era colocado o número que o Olda tinha nas corridas em que participava.

Continue lendo...

2019/01/17

Imagem antiga Famel Turismo motor de 50 cc fabricado na Alemanha- 1955


Não é que hoje seja dia de fazer birra, ou de estar com birra, é só uma questão de congruência com as publicações que já fizemos da Famel com motor Famel de 2 1/4 cv. e também da Famel com motor Victoria de 50 cc, todas do anos de 1955.
A base deste tipo de publicação surge no seguimento do uso indevido de imagens (que divulgamos no Rodas de Viriato), sem que respeitem o nosso pedido:
"Na Internet ou noutro meio digital, incluir referência à fonte "Rodas de Viriato" e um link para o blogue".
Na imagem vê-se (ou via-se) uma motorizada Famel Turismo, com motor de 50 cc, inteiramente fabricado na Alemanha. Esta motorizada não tinha suspensão traseira no quadro, mas sim no próprio selim, com recurso a molas de metal neste componente. A bomba de ar era colocada no quadro, por dentro, entre a roda da frente e o motor. O suporte de mercadorias na traseira permitia o transporte de pequenos volumes.

Continue lendo...

2019/01/16

Botoeira antiga Clube dos 100 à Hora


Ontem falámos no ACP, hoje apresentamos um objecto de coleccionismo de outra associação que marcou a história do automobilismo em Portugal, o Clube dos 100 à Hora.

Nas imagens podemos ver uma botoeira antiga deste clube. Na época em que este objecto foi produzido, o clube tinha o símbolo baseado num guiador, com uma espécie de escudo no centro.

Esta botoeira do Clube dos 100 à Hora é em metal dourado, tendo partes com esmalte vítreo de cor azul (baseado na máxima "ouro sobre azul"...).

No verso podemos ver o elemento que servia para prender na casa do botão.

Continue lendo...

2019/01/15

Material antigo do ACP - Emblema e mapas das estradas


ACP - Automóvel Clube de Portugal é das mais antigas instituições em Portugal ligadas ao mundo das estradas, que ao longo de muitos anos foi fazendo artigos que disponibilizava aos sócios - e que ainda existe nos dias de hoje.

Os mapas sempre foram úteis. Para além da informação sobre as estradas e ligações entre terras, também continham publicidade de produtos que interessavam aos automobilistas, como sejam os óleos para o motor.

Num dos mapas do ACP de 1976/1977 podíamos ver um anúncio com referência à refinaria do Porto, onde a Sacor produzia óleo, como o que eram embalado em latas metálicas que aparecem na imagem.

Um deles era o óleo Sacor Molygrafite, com a lata que tinha decoração pseudo atómica.

Num outro mapa havia publicidade à Mobil e aos seus produtos.
Para além dos mapas, o ACP também mandou fazer pins, alfinetes de lapela, chapas esmaltadas e até sabonetes!

Nas imagens também podemos ver um placa antiga do ACP em metal esmaltado, com o roda dentada e o escudo de Portugal no interior.
Agradecemos a Carlos Martins que tem página no Facebook de venda de peças para motorizadas antigas, pelo envio das fotografias.

Continue lendo...

2019/01/14

Bolsa de ferramentas Macal Minarelli


As bicicletas pasteleiras tinham umas bolsas em plástico que se colocavam no selim, onde se transportavam ferramentas, alguns remendos e cola de contacto, de modo a resolver algum furo que acontecesse num local longe de casa.

Muitas vezes não tinham marca, ou então eram da marca Tabor, escrita em relevo na parte da frente, no plástico preto.

No caso da mala de ferramenta que divulgamos hoje, tem escrito na parte da frente Macal Minarelli e está equipada com ferramentas para serem usadas numa motorizada.

Duas chaves para mudar pneus e outras duas chaves de vela, sextavadas, fazem parte do recheio desta bolsa.

Este conjunto está novo, notando-se que não foi usado.

Continue lendo...

2019/01/13

Jipe UMM Alter Pronto-socorro - Salão Motorclássico 2018 (1/2)


Quando fizemos o balanço do que vimos na edição do Salão Motorclássico 2018, dissemos que o Clube UMM esteve presente, tendo dois exemplares de jipes UMM em exposição no seu espaço.
Este foi um deles.

Podemos dizer que o jipe UMM é por definição um veículo de trabalho, mas este exemplar ainda é mais uma versão de trabalho. É um jipe UMM Alter pronto-socorro, pelo que está equipado com guincho na frente, para puxar alguma viatura que não consiga sair do local onde está pelos seus próprios meios.

Mas é na traseira onde melhor se vê que este jipe UMM foi pensado para trabalhar.
A parte da caixa de carga tem uma série de equipamentos que se destinam a ser usados para socorrer viaturas avariadas ou sinistradas.

De todos esses equipamentos, o que mais sobressai é o "garfo" que é usado para prender as rodas da viatura à qual o pronto-socorro UMM irá dar assistência.

Para poder elevar esse "garfo", há um motor de marca Rambey Winch, Co., preso na caixa de carga, que com recurso a um cabo de aço, faz descer e subir o componente em questão, que é articulado.

Na imagem anterior podemos ver a ligação do cabo ao "garfo" que se dobra, de modo a não ocupar muito espaço.

Na lateral deste jipe UMM Alter pronto-socorro há uma faixa pintada de azul, que diz Peugeot Assistance e um número de telemóvel.

Continue lendo...

2019/01/12

Exposição Clássica de 2 e 4 Rodas - Dolce Vita Ovar


Os centros comerciais são um local onde muitas pessoas passam o seu tempo livre. Para além das compras que se fazem nas lojas, há alguns que vão dinamizando um programa de actividades para que as pessoas possam fazer outras coisas.
No Shopping Center Dolce Vita de Ovar inaugurou uma exposição intitulada Exposição Clássica de 2 e 4 Rodas, onde é possível ver vários exemplares de fabrico nacional.
A exposição está patente até 20 de Janeiro de 2019.

Continue lendo...

2019/01/11

Catálogo A. J. Maias, L.da - Roda + Jante Ref. 2


E continuamos com a apresentação do catálogo A. J. Maias, L.da, desta vez divulgando a roda e a jante com a Ref. 2.
Nesta imagem também aparece um pneu da Mabor General, mas a jante é furada, tendo um buraco com 42 mm, sendo indicado que era possível fornecer com diâmetro superior.

A jante tinha acabamento em chapa de aço, com pintura de estufa brilhante.Os parafusos usados eram em aço com porcas boleadas e cromadas.

Continue lendo...

2019/01/10

Motorizada Zundapp Galgo para restauro - Moto & Restauro


Galgo é nome de raça de cão com formas alongadas e que corre muito. Talvez tenha sido este último facto que fez com que várias marcas ligadas aos veículos fabricados em Portugal tivessem usado este nome para alguns dos seus produtos.

A CNP teve um pneus de marca Galgo e até houve motorizadas Zundapp Galgo. E esta é uma delas!

O emblema é muito parecido com o que era usado na Zundapp Caçador que já aqui divulgámos, mas a motorizada tinha malas de ferramenta muito diferentes.

Esta motorizada Zundapp Galgo é uma das mais recentes entradas na oficina Moto & Restauro, na cidade de Fundão.

Está muito completa, mas foi pintada entretanto, pelo que este será um dos aspectos a trabalhar no restauro que se avizinha.

Está equipada com motor Zundapp de turbina e tem o tradicional suporte de mercadorias na traseira.

Para contactarem a Moto & Restauro podem usar o Facebook ou se precisarem de alguma informação podem usar outros contactos da Moto & Restauro - telemóvel 962448182, telefone 275 751 241 ou pelo e-mail jadantunes@hotmail.com .

Continue lendo...