2018/02/13

Jipe UMM Cournil "V6" - Salão Motorclássico 2017


Nos salões e feiras de automóveis antigos por vezes aparecem automóveis metade restaurados, metade por restaurar.

Normalmente usa-se um automóvel em mau estado (ou muito mau estado), para mostrar as capacidades de quem faz restauros e reparações em veículos antigos.

Na última edição do Salão Motorclássico / 2017 foi possível ver uma situação parecida que teve como ponto de partida um jipe UMM Cournil e que foi realizada pela Tucha Competição.

A ideia teve como ponto de partida a comemoração da participação de um jipe UMM Cournil V6, no ano de 1983, na prova 24h Mauleon - em França, onde obteve o 3.º lugar da geral.

O façanha seria assinalada concorrendo com um jipe UMM Cournil V6 na prova 24 horas TT - Vila de Fronteira 2017 - na 20.ª edição desta prova nacional.

Voltando ao início da nossa conversa... Um jipe UMM Cournil em mau estado foi recuperado na metade longitudinal, como se fosse um jipe de competição de todo-o-terreno, mostrando o potencial que estes veículos têm.

E o resultado esteve exposto no espaço do Clube UMM no Salão Motorclássico / 2017.

E a intervenção feita não se limitou ao exterior. O interior também foi alterado, chegando-se ao pormenor de colocar no UMM um banco de competição, ao lado de um banco de série, como os que eram usados nestes jipes.

Nos vidros do UMM era possível ver o emblema da Covina, que fabricava e fornecia este componente para o jipe.

E por falar em vidros, repararam que o vidro no centro da traseira está metade limpo, metade sujo?

seja o primeiro a comentar!

Enviar um comentário