2009/10/24

AC Sportcar na revista Turbo (1982)


Na revista Turbo n.º 8 de 1982, foi publicado um artigo sobre o automóvel AC Sport Car, onde aparecia a fotografia que acompanha este artigo.
Para além de ser a cores e de ser uma das poucas fotografias da época existentes destes automóveis, apresenta o veículo numa perspectiva que não é conhecida.
Comparando esta fotografia com outra já aqui publicada do AC Sport Car, vemos que os faróis ficavam escondidos na carroçaria atrás de uma "porta" que se retraia para a carroçaria, coisa que não era referida na ficha das especificações técnicas e que merece destaque.
No artigo é referido que a A. Cação Automóveis pretendia vender este automóvel por 500 contos e que o mesmo teria o motor 1500 da Volkswagen (mas também podia ser o 1200, o 1300 ou o 1600, dependendo dos desejos do comprador). À frente teria travões de disco e na traseira seriam de tambor. Era ainda referido que era produzido por encomenda, mas que os responsáveis da empresa mostravam-se confiantes e que pensavam construir 24 unidades até final do ano (1982) e, depois 5 automóveis por mês. Supondo que durante um ano conseguiram fazer o que pensavam, isto daria pelo menos 60 (5 x 12) automóveis desta marca. Quantos exemplares terão sido produzidos?
A terminar é dito que o AC Sport Car tinha 2 mais 2 lugares e que as dimensões da carroçaria eram as seguintes: comprimento - 3920 mm, largura - 1620 mm e altura - 1220.

2 Comentários

LOBO disse...

O carro não me avivou a memória mas o nome sim, lembro-me deste carro nacional unicamente pelo nome. Estava comletamente enterrado no meu sub-consciente.
Parece ser um carro muito interessante, mas nunca vi nenhum ao vivo, não deve ter vendido quase nada infelizmente.

Anónimo disse...

Nunca ouvi falar neste desportivo construido na Figuira da Foz mas sei que era todo original e qualquer motor Volkswagen servia para o por a andar.Sei que na altura eles eram distribuidos pela SIVA o importador nacional dos AUDI e VOLKWAGEN.Os AC Sportcar juntavam-se aos jipes PORTARO, UMM e SADO 550 e eram os nossos 4 modelos que Portugal tinha de oferta no Mercado dos Automoveis Novos.Mas nao duraram mais do que uns 3 anos talvez para venda no nosso pais o mesmo tempo que durou o Sado 550.Foi uma ideia muito original mas infelizmemnte teve uma vida curta em parte traido por outros modelos mais modernos e mais potentes e claro melhores.Foi uma pena que nao o salvamos. Na Inglaterra nos anos 70 tivemos um original muito parecido com o AC Sportcar com a mesma mecanica que era o MBC Chepeko um raro kitcar e fizeram-se apenas 20 carros entre 1975-77 num chassis e outras pecas vindas dos VW Carocha. MARCO SANTOS

Enviar um comentário