2015/05/09

Ciclomotor Spada.. Sim, Spada! Pedido de ajuda


Os ciclomotores de fabrico nacional foram muitos e nem sempre é fácil conseguir as informações que esperamos durante um restauro.
No seguimento da publicação de imagens de uma motorizada Cruzador modelo Spada, fotografada na Automobilia da Moita, em 2012, recebemos um pedido de ajuda do nosso leitor Joaquim Monteiro, que tem uma motorizada igual à que referimos (mas sem motor de turbina) e que está a ser restaurada.
Acontece que com a utilização e com as intervenções ao longo da sua existência houve alguns pormenores que foram alterados e agora é preciso ter certezas para que o trabalho fique rigoroso.

Por esse motivo é necessário confirmar algumas informações, pelo que solicitamos a quem nos lê que deixe comentário ou nos envie e-mail esclarecendo o seguinte:
- No guarda-lamas traseiro, o decalque "Ultra Modelo Spada" era o usado neste modelo? E quais as cores que tinha?
- No depósito de combustível, como era o emblema "Smith" e que cores tinha?
- Na documentação levantada na câmara municipal, bem como no livrete, são referidos pneus e aros 22 x 2.75, mas os que estão actualmente na mota são aros 23. Qual a medida original / correcta?
As imagens que acompanham este texto foram-nos cedidas por Joaquim Monteiro e foram retiradas de um folheto publicitário da Spada, vendida pela Organização Sachs em Portugal. Nesse folheto é referido que "tudo o que a Spada tem, é o melhor que as indústrias fabris puderam conceber".

seja o primeiro a comentar!

Enviar um comentário