2014/11/03

Blindados BRDM-2 pós Chaimite e Berliet Tramagal - Filme de cerimónia na Guiné


Estamos quase a terminar duas semanas de comemorações dos 8 anos deste blogue e aproveitamos para mostrar mais uma pérola que foge um pouco à temática aqui tratada, mas que está relacionada com os blindados Chaimite da Bravia e os camiões Berliet Tramagal da Metalúgica Duarte Ferreira.

Consta que no final da Guerra em África, o PAIGC começou a usar blindados BRDM-2 de origem soviética na luta contra os portugueses. Não temos informação de que os mesmos tivessem estado envolvidos em confrontos directos com algum dos veículos de fabrico nacional que referimos, mas no filme do qual mostramos alguns fotogramas aparecem cerca de 6 desses BRDM-2 numa cerimónia que tem todo o ar de ser importante...

Não sabemos ao certo se será relativa a alguma comemoração relacionada com a independência da Guiné, mas pela formação dos blindados; pela presença de militares, de entidades e de civis; pelas danças e desfiles; bem como pelo hastear da bandeira e pela grande quantidade de operadores de câmaras de filmar (pelo menos 5 pessoas), podemos dizer que temos algo de muito importante nas mãos. E algo que não podemos deixar esquecido numa gaveta ou num armário.

As imagens que mostramos são só algumas das que podem ser vistas no filme original em formato super 8. Há uma parte que foi filmada do ar, aparentemente de um helicóptero; há imagens de cabanas tradicionais; imagens de pessoas que teriam importância local ou nacional... E tudo numa filmagem a cores!

Mas voltando ao motivo da publicação deste material, pretendemos deste modo mostrar o que são os interesses e como funcionam as cooperações entre países e regimes políticos. Nitidamente os blindados BRDM-2 são usados como demonstração de força e de poder.

Poderá ser acaso, mas não teria havido nenhuma Chaimite ou Berliet Tramagal que tivesse ficado por lá?
A nossa cultura geral não chega tão longe (sabermos se ficou material nacional nas antigas províncias ultramarinas), mas os BRDM-2 estavam lá!

E não foi só na Guiné, também estiveram em Angola, em Cabo Verde e em Moçambique. Caso para dizer que o material era bom e afamado, ou os representantes da marca eram bons vendedores!

Também tento ser bom vendedor, pelo que se alguém quiser comprar este filme original / único / raro, queira enviar um e-mail para o contacto que aparece na lateral direita do ecrã.

seja o primeiro a comentar!

Enviar um comentário