2018/05/15

Guindaste fabricado pela Fundição de Massarelos (4/4)


Com uma fotografia do guindaste fabricado pela Fundição de Massarelos virado para o céu, abrimos a apresentação do último conjunto de fotografias sobre esta peça de arqueologia industrial que ainda está no seu lugar original.

Para quem agora vê esta publicação, poderá encontrar mais informações, clicando em:
Guindaste fabricado pela Fundição de Massarelos - parte 1
Guindaste fabricado pela Fundição de Massarelos - parte 2
Guindaste fabricado pela Fundição de Massarelos - parte 3

Neste grupo de imagens mostramos parte do sistema de correntes e tirantes que repartem as forças a que a máquina é exposta.

Onde o ferro é maciço e de espessura considerável, a par de um projecto simples, mas eficaz.

Um guindaste fabricado nos dias de hoje seria muito diferente?

Arriscamos a dizer que não seria muito, mas certamente com materiais de pior qualidade, que não estarão com o mesmo aspecto como estes, com aproximadamente 100 anos.

Damos destaque aos rodados, havendo diferenças entre as rodas da frente e as de trás, vendo-se que num caso as ligações entre o eixo e o aro, são simples...

Enquanto que noutro a zona de ligação entre "raio" e aro, estão reforçadas com metal, em forma de meio cilindro. Estarão expostas a maior esforço ou carga?

Terminamos com a pergunta, onde haverá outro exemplar da Fábrica de Massarelos ainda no seu lugar original?

seja o primeiro a comentar!

Enviar um comentário