2010/02/28

Bicicleta Vilar de Luxo dobrável - Roda 20


Mais um clássico da Vilar, uma bicicleta dobrável modelo De Luxo, com roda 20. Alguns dos componentes que tem já não são os originais, mas não deixa de ser um exemplar que aqui merece divulgação.

Este modelo era especialmente indicado para raparigas ou para quem precisasse de uma bicicleta que pudesse ser transportada em pouco espaço.

O selim era de pequenas dimensões, mas largo e com molas. Tinha uma chapa "Vilar" na parte traseira.

Em caso de necessidade podia transportar pequenas cargas na parte traseira, entre o selim e o guarda-lamas. O guarda-corrente tinha um forma trabalhada, com traços pseudo aerodinâmicos.

Os pedais tinham reflectores e a palavra Vilar na parte de dentro.

Fotografia com o autocolante no guarda-corrente, eventualmente útil para quem precisar de reproduzir este autocolante.

Na forqueta também havia alguns elementos decorativos.

A terminar uma gravação existente no metal, entre o guiador e o guarda-lamas da frente.

Continue lendo...

2010/02/27

Vídeo Salvador Caetano Ovar - Toyota


Este vídeo mostra-nos um pouco da história e das actividades da Salvador Caetano desde a sua formação até aos nossos dias.
É apresentada a linha de produção de veículos comerciais situada em Ovar, bem como algumas imagens dos autocarros da mesma marca.
Se mais empresas fizessem este tipo de vídeos, ficavamos a saber mais sobre elas e podiamos no futuro ver como é que tinha sido.
O vídeo é do utilizador Mafra79 do Youtube.com.

Continue lendo...

2010/02/26

Mini bus Ford Transit (Ford Lusitana)


Na revista Mundo Motorizado n.º 526 de 1984 foi publicado um artigo onde era apresentado um mini autocarro construído por um carroçador nacional para a Ford Lusitana a partir de uma carrinha Ford Transit.
A matrícula aparenta ser ELME 2001, o que quererá dizer?
Podia transportar até 16 passageiros de empresas, escolas, forças militares ou de outras instituições que pretendessem um veículo com preço acessível, fácil de conduzir e de manter.

Continue lendo...

2010/02/25

Jipe Portaro na zona centro


Mais uma colaboração de Nuno Granja, para a secção jipes Portaro deste blogue.

Tem capota rígida e foi avistado na zona centro no nosso país.

Continue lendo...

2010/02/24

Caravanas Flecha e Grou 1985


A marca de caravanas Flecha esteve na Nauticampo 85 representada pela Campar - Sociedade Comercial de Caravanismo, Lda. que também vendia as caravanas Grou (eram ainda vendidas pela Motovelo).
Estas últimas eram modelos económicos, leves, com linhas aerodinâmicas e resistentes. Estavam disponíveis em 3 versões que podiam ser rebocadas por carros de pequena e média cilindrada.
A fotografia da publicidade foi publicada na Mundo Motorizado n.º 533.

Continue lendo...

2010/02/23

Frécar - Acessórios para automóveis


A parte dá origem ao todo.
A Frécar - Acessórios para Automóveis Bernardino R. Tavares, S.A.R.L., situada na Rua Alfredo da Silva - Portela da Ajuda - Lisboa, produzia calços para travões, discos de embraiagem, travões de disco e cepos para comboios - peças industriais.
Esta publicidade datada de 1984 dá-nos algumas pistas sobre esta marca que ainda não constava neste blogue.
Que marcas usavam componentes desta marca nas suas linhas de produção?

Continue lendo...

2010/02/22

Anfesa RV 250 no Catálogo Motojornal 1991


A 1.ª vez que aqui falámos da marca Anfesa, mostrámos uma imagem de uma Anfesa RV250, agora mostramos outra, de lado, e que foi publicada no catálogo Motojornal 1991.
Esta moto era a topo de gama, com motor Rotax com 244 cc., a dois tempos, refrigerado por líquido, com 5 velocidades e capaz de 47 cv de potência máxima.
Ao contrário do que é comum pensar-se, a indústria nacional de duas rodas produziu muitas motos com mais do que 50 cc. ao longo de toda a sua existência. E a Anfesa enquanto produziu motos, foi das que mais motorizações teve disponíveis na sua gama de produtos.
Tinha travões de disco nas duas rodas e a suspensão traseira era por mono-amortecedor de acção progressiva. Pesava 98 kg.

Continue lendo...

2010/02/21

Datsun Sado c/ caixa de carga alterada


Mais uma fotografia que nos foi enviada por Nuno Granja, trata-se de uma carrinha Datsun Sado pintada de verde, uma das cores que provavelmente estavam disponíveis de origem.
Esta carrinha nacional tem a curiosidade de ter uma estrutura que foi adaptada na caixa de carga, de modo a que pudesse transportar mais carga e de modo mais protegido.

Continue lendo...

2010/02/20

UCAL dobrável, selim curto s/ mudanças - UCAL catálogo


Mais uma imagem de uma UCAL dobrável com selim curto, com rodas 20 x 1,75 e sem mudanças.

Continue lendo...

2010/02/19

Alfinetes de lapela da Firestone


Mais duas fotografias de alfinetes de lapela, desta vez dos pneus Firestone, marca que teve uma fábrica de pneus em Alcochete, que entretanto fechou.
Agradeço a Carlos Caria pelo envio das imagens e das informações.

Continue lendo...

2010/02/18

Protótipo de camião da Bravia (modelo Gazela ?...)


Depois do protótipo Bravia Comando MK III, publicamos mais uma série de fotografias relativas a outro protótipo da Bravia, trata-se de um camião de pequenas dimensões, aparentemente construído com base num camião Gazela.

Segundo informações de Pedro Moreira a quem agradecemos a cedência das fotografias, este camião data de 1969 e tem base num Dodge. Tem ainda tracção integral 4x4, provavelmente com transmissões da Ebro.

Segundo as informações que nos foram fornecidas, este veículo não passou de projecto pelos custos inerentes ao início de produção, que inviabilizaram a produção do mesmo já que havia carros com características semelhantes com custos mais baixos.

Olhando para a viatura ficamos na dúvida se seria um camião Gazela cuja cabine foi fechada (em vez de ser em lona, como acontecia nas outras versões militares), ou se seria outro modelo que cujo nome desconhecemos (ou seria uma derivação do Comando MK I ?...).
Uma coisa parece ser certa, foi pensado para cenários de guerra uma vez que tem o pára-brisas invertido, solução usada em veículos concebidos para zonas com muita exposição solar (e também usada no Bravia Leopardo construído para trabalhar numa pedreira).

Continue lendo...

2010/02/17

Stand Casal na Moto expo'90 - Mundo Motorizado


Na revista Mundo Motorizado n.º 597 foi publicado um artigo sobre a Moto Expo '90, realizada na F.I.L., onde a Casal esteve presente com um stand de exposição de veículos.
No artigo é referido que a Casal foi o único construtor de motorizadas e motos nacionais presente no evento, tendo em exposição uma motorizada Fera, construída para a Fundador, uma Casal Boss, uma Casal RZ 50 e o veículo com que bateram o recorde internacional de velocidade com motor de 50 cc.
É curioso que no artigo, que é favorável em relação aos veículos Casal, não é feita qualquer referência a este veículo e ao facto com ele conseguido.
Em relação à Fundador Fera é referido que tinha travões de discos nas duas rodas, suspensão de forqueta telescópica à frente e monoamortecedor atrás.

Continue lendo...

2010/02/16

Carroçarias Honório - Porta-chaves


Mais uma marca que ainda não constava no blogue, a Honório, conhecida pelas carroçarias produzidas no Cartaxo. O nome da marca deriva de Jorge Honório da Silva.
A história desta empresa, segundo informação do site, começa em 1927 com a produção de carroçarias abertas em madeira. Nos anos 70 começou a construção de carroçarias frigoríficas (foi a 1.ª empresa em Portugal que o fez).
Actualmente a área de negócios da empresa é mais abrangente, indo das carroçarias, aos veículos especiais, passando pelos componentes poliéster e pela engenharia inversa.

Saber mais:
- Site oficial Honório

Continue lendo...

2010/02/15

Publicidade Tudor Duro-Service


Esta publicidade às baterias Tudor apresentava as baterias profissionais Duro-Service para quem o motor tem de pegar sempre, independentemente do trabalho e das condições, de modo a que "as horas de trabalho sejam sempre horas de rendimento"...

Continue lendo...

2010/02/14

Revista DaMoto Clássica n.º 19


Mais uma revista DaMoto Clássica nas bancas: o número 19.
Nesta revista o destaque vai para a secção Colecção do Mês, com um artigo intitulado "Paixões de Marão", onde é apresentada uma colecção com vários ciclomotores e motorizadas nacionais. Várias são as marcas, desde Alma, a Vilar Cucciolo, passando por Famel Foguete e Pachanchos.
Nos artigos sobre encontros e passeios aparecem mais alguns exemplares nacionais: Perfecta, EFS, Confersil...
A terminar não podemos deixar de referir que a ficha da motorizada nacional do mês é a Gazela Tansini.

Continue lendo...

2010/02/13

Palas Zundapp para guarda-lamas


Estas palas são especialmente indicadas para guarda-lamas de motorizadas da marca Famel.
Têm escrito Zundapp e sinais que ajudam quem não sabe por que lado se fazem as ultrapassagens... Ou seja, são um acessório útil.
Estão disponíveis para troca ou venda.

Continue lendo...

2010/02/12

Autocarro UTIC AEC Reliance ATF n.º 80


Mais uma autocarro antigo de fabrico nacional que faz parte da frota da Auto Transportes do Fundão e que ainda pode ser visto na rua.

Trata-se de um autocarro UTIC com chassis AEC Reliance.

É o número 80 da frota e está pintado nas cores típicas desta empresa, o azul e o branco.

Os bancos são em napa e estão fixos ao chão através de uma estrutura metálica tubular.

O local do condutor parece ser arcaico, tendo em conta os modelos actuais de autocarros, onde o design e a ergonomia são uma preocupação. Mas pelo menos aqui está tudo à vista.

Os aglomerados e laminados de madeira abundam no interior do autocarro, como era normal na época em que foi construído, a década de 70.

Continue lendo...

2010/02/11

Badge para radiador da Sacor #2


Mais uma colaboração de Carlos Caria (e mais uma vez muito obrigado!) com uma fotografia de um emblema da Sacor. É em metal esmaltado com louros fechados e cerca de 7,5 de diâmetro, com parafuso à retaguarda para fixação na grelha do radiador de automóvel.

Continue lendo...

2010/02/10

Camião do lixo com contentor Metalofabril?


Esta imagem de uma publicidade aos produtos da 3M foi retirada de uma revista de Junho de 1983, mas tem um contentor igual ao que já aqui mostrámos da Vecofabril.
Como esta última só foi criada em 1984, mas dando continuidade à Metalofabril, parte-se do princípio que seja desta última.
Aguem mais entendido que esclareça a situação.

Continue lendo...

2010/02/09

Calendário com Portaro 260 dos Bombeiros V. Amadora


Mais um calendário com um jipe nacional, um Portaro 260 pertencente aos Bombeiros Voluntário da Amadora.
O calendário é do ano de 1988 e fazia parte de uma campanha pró-quartel dos bombeiros em questão.
Pelos espelhos retrovisores, parece que este jipe rebocava alguma coisa com frequência...

Continue lendo...

2010/02/08

Racing Camac - Pneus para competição


Em 1987 a CNB / Camac começou a comercializar através de estrutura própria os pneus Camac Racing que eram usados na competição automóvel a um preço mais acessível.
Deste modo os pilotos de velocidade e de rallye passavam a gastar menos dinheiro para aquisição de pneus e ainda tinham um serviço de assistência técnica à disposição.

Continue lendo...

2010/02/07

Bicicletas Etnerap Cicles - Algés - Portugal


Nos últimos tempos temos publicados artigos sobre a marca Etnerap e sobre António Augusto Parente e hoje apresentamos mais um contributo para a divulgação da história desta marca, mais concretamente sobre as bicicletas Etnerap.
É com orgulho que o fazemos, pois estamos a acrescentar algo ao já existente. Note-se que a marca Etnerap começou com a produção de bicicletas, tendo depois passado para os automóveis, mas são estes últimos que estão associados à marca.
Para além deste facto, a história das bicicletas Etnerap são uma excepção, pois não está ligada a Sangalhos nem à Bairrada, nem é mais uma marca de um armazenista que se limitava a colocar o seu emblema e marca na bicicleta.
As bicicletas Etnerap eram construídas e vendidas por António Augusto Parente em Algés (Lisboa), na Rua Major Afonso Pala. De um lado da rua, onde hoje se situam os restaurantes "O telheiro" e "Montenegro", situava-se a loja. Os dois edifícios ainda têm elementos que atestam a sua idade, como se pode ver pela imagem seguinte. Já a oficina, era do outro lado da rua, onde hoje existem uma série de estabelecimentos comerciais (ver a última fotografia deste artigo).

António Augusto Parente estudou na Escola Industrial Marquês de Pombal, onde adquiriu conhecimentos que lhe permitiram ir mais longe e sonhar mais alto. Antes de começar a IIª Guerra Mundial, já produzia as bicicletas Etnerap em alumínio, que eram mais leves e resistentes do que as existentes na época. Tinham um design desportivo, tipo de corrida, com travões normais (em vez de travões de alavanca), aros especiais e tinham mudanças com alavanca no quadro. Muitas das peças incorporadas nas bicicletas eram importadas de Itália.
Para além do modelo normal, também havia bicicletas para senhora. E o negócio não se limitava à venda, havia também aluguer de bicicletas ao fim-de-semana, que eram usadas em passeios até Cascais e ao Estoril pela Marginal.
O mais curioso é que António Augusto Parente chegou a entrar em competições com as suas bicicletas, tal como fez mais tarde com os automóveis Etnerap.

No emblema que era colocado na testa do quadro (ver a 1.ª imagem) a palavra "bicicletas" foi substituída pelo termo inglês "Cycles", mas curiosamente aparece escrito "Cicles".
Todos estes factos fizeram com que tivessem sucesso comercial, tendo sido produzidas durante mais de meia dúzia de anos, até depois da guerra, não se sabendo em que quantidade.
Também não se conhece o paradeiro de nenhum exemplar desta marca, pelo que qualquer informação sobre as bicicletas Etnerap será bem-vinda, por todos os amantes de bicicletas de fabrico nacional e especialmente por António Parente (filho) a quem mais uma vez agradecemos a disponibilidade e a hospitalidade com que nos recebeu e partilhou todas estas informações (e também pela oferta da chapa da marca).

Continue lendo...

2010/02/06

Imagem de troféu - Catálogo UCAL


Troféu de melhor serviço e qualidade Portugal 87, atribuído por uma instituição/empresa espanhola à UCAL. Mais uma imagem do catálogo na UCAL.

Continue lendo...

2010/02/05

Alfinete de lapela das motorizadas Aliança


Mais uma marca neste blogue, a Aliança que é conhecida pelas motorizadas.
No alfinete de lapela da marca aparece uma imagem simplificada de um condutor de um veículo de duas rodas.

Continue lendo...

2010/02/04

Citroen AX BB Cabrio na Mundo Motorizado


Esta fotografia de um Citroen AX BB Cabriolet foi tirada no 1.º Salão Internacional Automóvel do Porto, em 1988 e foi publicada na revista Mundo Motorizado n.º 569.
Na mesma revista é referido que este modelo foi apresentado pelo carroçador A.G. Engineering, em colaboração com a Auto Ribeiro (construtor) e a Benjamim Barral (distribuidor). É ainda referido que na altura eram produzidos 2 unidades por semana e que podia levar 4 pessoas, sem que fosse necessário o arco de segurança. Este facto resulta do estudo realizado pelo CEMUL - Centro de Mecânica e Materiais da universidade Técnica de Lisboa.

Continue lendo...

2010/02/03

Sopinal contentor plástico para lixo doméstico


Depois do contentor de lixo metálico da Sopinal, mostramos um contentor plástico da mesma marca.

É feito em plástico verde, que acaba por ter uma presença neutra nas ruas.

Tem rodas plásticas giratórias da marca LIV.

Foi fabricado no ano de 2007, como se pode ver pela chapa de identificação.

Continue lendo...