2008/04/30

Dermor - Alcobaça


Este autocolante esteve em exposição (e certamente à venda) num painel de corticite durante a V automobilia da Moita. Diz "Dermor Alcobaça".

Quem pode ajudar a esclarecer o tipo de material produzido e /ou comercializado por esta marca?
Era uma marca de bicicletas? (deixem comentários por favor!)

Continue lendo...

2008/04/29

DVD´s "A Guerra - Colonial / do Ultramar / de Libertação"


Saiu ontem (2.ª-feira, dia 28 de Abril) no jornal Correio da Manhã, o 1.º DVD do programa já transmitido na televisão com o título "A Guerra - Colonial / do Ultramar / de Libertação". O programa é da autoria e realização de Joaquim Furtado e foi exibido na RTP.
São 9 os DVD´s desta colecção, custando cada um 6,95 euros. Tendo em conta os preços de outros DVD´s, podemos dizer que é um produto em conta (note-se que as despesas do programa já foram, certamente, pagas pela RTP, pelo que o custo desta edição é simbólico).
Para além de ser um trabalho de muita qualidade, que apresenta os diferentes pontos de vista do assunto em questão, e que só por si são motivo suficiente para a sua aquisição, estes DVD´s têm (algumas) imagens de camiões Berliet Tramagal que poderão ser da maior utilidade para quem realiza miniaturas de veículos, bem como dos ambientes em que estes foram utilizados.
Ao ver estes DVD´s, fico com vontade de editar o CD-ROM Rodas de Viriato n.º 1, projecto que tem estado a "marinar".

Continue lendo...

2008/04/28

Mais uma pasteleira


Com travões de alavanca e suporte para mercadorias.
Marca?...

Continue lendo...

2008/04/27

Autocarro Irmãos Mota Atomic Scania


Este é um autocarro Atomic (versão MK 8?...), carroçado pela empresa Irmãos Mota, com chassis Scania. Tem matrícula de 1999.
Pertence à empresa "Santos - viagens e turismo", onde tem o número 79.

Saber mais:
- Irmãos Mota Atomic MK 8 - Busesofportugal's Community.webshots.com

Continue lendo...

2008/04/26

SIS Sachs Minor na Moita


Uma motorizada SIS Sachs, modelo Minor, que pelo depósito será da 3.ª geração. Este modelo atingia 60 km/h.
Mais uma motorizada que esteve à venda na V Automobilia Ibérica da Moita .

Continue lendo...

2008/04/25

Chaimite no 25 de Abril

Fizeram-se camiões Berliet Tramagal e auto-metralhadoras Chaimite para a Guerra Colonial, ou do Ultramar, ou ainda de Libertação... Acabou-se com a ditadura política, depois achámos que erámos livres e capazes, que tinhámos de ser auto-suficientes. Fizemos o Sado 550, a Datsun Sado e o UMM, a pensar na mobilidade e no trabalho. Depois a mobilidade e o trabalho já não eram assim tão importantes e ficámos com o UMM para a diversão e para o lazer. Mas não chegava, era preciso mais... Um pouco de luxo e um ar desportivo é que era, fizemos o AX BB Cabrio, o AC Sport Car, o Lince e o ZF 98. Entretanto, a indústria nacional de duas rodas, que durante anos e anos, permitiu a deslocação de pessoas (e de mercadorias), e que as mesmas pudessem ganhar o pão nosso de cada dia, também já não servia para as deslocações e para ganhar o pão nosso de cada dia...
A ferrovia seguiu o mesmo caminho. Para quê ter comboios, carruagens, vagões, furgões? Sorefame fechada que, soube-se mais tarde, o caminho não é o de ferro, mas sim o do turismo.

Agora somos mais livres, já não temos a ditadura política. É bom saber que posso escolher o meu fornecedor de energia eláctrica, desde que seja a EDP... Que posso escolher o fornecedor de TV por cabo + telefone + Internet que me fica mais em conta - as diferenças de preços são enormes... Que... Que... Que posso encontar a mesma loja "X" no centro comercial de Lagos, de Évora, de Portalegre, de Torres Novas, de Leiria, de Coimbra, de Vila real e de Caminha... Que... Que... Que se podem construír estádios para um evento concreto e depois já não servem para nada... Que as auto-estradas não são uma opção, mas uma obrigação - não há percursos alternativos!

Etc, etc, etc...

Aos que fizeram o 25 de Abril, muito obrigado!
Aos que teimam em produzir (e não é só "rodas nacionais"), muito obrigado!
Aos gestores (dos bancos, das PT, das Secil, das Sonae, das EDP, etc...), cuidado! Nacional só a pensar nos números que os accionistas vão ganhar, aqui não tem lugar! Serei o primeiro a atirar a pedra que vos vai fazer cair pelo chão.
:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

As máquinas, enquanto prolongamento do homem, também entraram neste acontecimento denominado de "Revolução dos cravos". De todas elas, o blindado Chaimite foi quem mais destaque teve. Aqui fica uma sugestão de exploração de um site com imagens e textos que todos devem conhecer!

Site do dia:
- Associação 25 de Abril

Destaque para os vídeos:
- Chaimite Bula encosta ao portão do quartel da GNR
- Saída de Marcelo Caetano do Quartel do Carmo

Continue lendo...

2008/04/24

Publicidade Tudor baixa manutenção


Mais uma publicidade à Tudor (da década de 80), neste caso às baterias de "baixa manutenção", pois "nova fábrica, novas baterias":
- Mais potência;
- Mais duração (dois anos de garantia);
- Menos manutenção (inspecção apenas uma vez por ano);
- Corrente de arranque (cinco vezes a capacidade);
- Auto descarga (quatro vezes menor).

Continue lendo...

2008/04/23

Famel Victória (5 estrelas)


Aqui ficam dias fotografias de uma Famel Victória, modelo 5 estrelas, que esteve para venda na V Automobilia Ibérica da Moita (2008).
Este modelo que transportava um passageiro, foi produzido em Águeda - Aveiro.

Saber mais:
- Famel Victoria - 3 estrelas - Famel.blogspot.com

Continue lendo...

2008/04/22

Citroen AX BB Cabriolet no Auto Show 91


Aqui fica uma imagem retirada da revista Auto Motor n.º 25, onde aparecia uma imagem de um Citroen AX BB Cabriolet que foi apresentado no Auto Show 91.
O exemplar que esteve em exposição, estava pintado de branco, com elementos decorativos pintados de vermelho e a capota preta.
Segundo a legenda da imagem, estava previsto que o Citroen AX BB Cabrio começasse a ser comercializado a partir de Junho de 1991.

Continue lendo...

2008/04/21

Berliet Tramagal GBH - Exterior (depósito)


Mais uma série de fotografia do camião Berliet Tramagal GBH, desta vez relacionadas com o depósito/cisterna. Na imagem anterior, as aberturas para o depósito/cisterna e a plataforma para deslocações no topo do mesmo.

Aqui o pormenor do motor situado na parte posterior, com diferentes saídas.

Aspecto da ligação do depósito/cisterna ao chassis do camião.

Os "guarda-mangueiras" laterais...

E o pormenor da ligação ao tudo de irrigação situado na parte traseira, bem como o encaixe para reboques.

Continue lendo...

2008/04/20

Fundador k168


Já são muitas as marcas de empresas que constam neste blogue, mas há sempre mais uma que está a faltar. Uma delas é a Fundador, que para além de bicicletas e atomizadores, também montou motorizadas.

Hoje apresentamos a motorizada Fundador K 168, com quadro tubular, com velocidade máxima de 55 km/h, consumo de 2,2 L/100 km, motor M 147 da Casal e 2 velocidades.

Saber mais: (enquanto o site está on-line!)
Fundador-FDR - Site oficial

Continue lendo...

2008/04/19

EMEF 0350 e Metalsines


Mais umas fotografias de uma automotora EMEF, série 0350, desta vez passando por vagões Falls da Metalsines .
A primeira fotografia mostra alguns aspectos da cobertura da automotora que poderão ser úteis para todos aqueles que se dedicam à realização de miniaturas.

Continue lendo...

2008/04/18


Durante a década de 80 (e não só...) as corridas de kartings tiveram grande popularidade a nível nacional.
A imagem que apresentamos foi retirada de um artigo de uma revista do ACP dedicada à divulgação da modalidade. A imagem foi publicada sem legenda, pelo que é difícil identificar a marca e o modelo do kart (especialistas deixem comentários!). O condutor tem o emblema da Casal por cima do número de participante, pelo que aqui fica a imagem.
O artigo faz referência ao Campeonato Nacional de Karts, à Fórmula K, à Formula C, à Categoria Internacional 100 e à Categoria Primavera. Esta última surgiu em 1983 e pretendia revelar novos valores, no karting ou noutras variantes de competição automobilística.

Continue lendo...

2008/04/17

Órbita BMX com travão de disco


É já na próxima semana que se realiza o Movimento alternativo de bicicletas, na cidade do Porto, destinado a bicicletas tipo "roda 20".
Entretanto apresentamos mais uma fotografia que nos foi enviada por Filipe Carreiras (muito obrigado pela colaboração!) de uma bicicleta Órbita, modelo BMX com travão de disco na roda da frente e na roda de trás.
Este modelo é muito raro devido ao facto de ter travões de disco, coisa que era novidade na época e, consequentemente, o preço era elevado.
Para além da pintura nas cores preto e branco, também havia exemplares pintados de amarelo e vermelho.
Esta bicicleta está nova e está para venda. Quem estiver interessado, é só enviar um e-mail a pedir o contacto do vendedor!

Continue lendo...

2008/04/16

Portaro dos Bombeiros do Souto da Casa


Um jipe Portaro que pertenceu à 1.ª Brigada de Socorro dos Bombeiros do Souto da Casa (uma secção dos Bombeiros Voluntários do Fundão, tal como a secção de Silvares de quem já aqui mostrámos um Portaro) e que actualmente se encontra fora de serviço.

Com um pouco de sorte, pode ser que passe brevemente a fazer parte da Secção Museológica dos B. V. do Fundão.

Continue lendo...

2008/04/15

Alfredo Caetano Fénix - Scania


Mais autocarro da Alfredo Caetano desta vez um modelo Fénix com chassis Scania.
Este autocarro pertence à empresa "Santos - viagens e turismo" que opera no norte de Portugal. Tem matrícula de 2004.
O autocarro na imagem é um dos que aparece no site oficial da empresa (ver: Aqui)

Saber mais:
- Site oficial da Santos - Viagens e Turismo

Continue lendo...

2008/04/14

Casal K 160


Mais uma motorizada que esteve para venda na V Automobilia Ibérica da Moita (2008).
Trata-se de uma motorizada Casal K160 - já nesta altura a Casal procurava ter um modelo simples e acessível, que mais tarde e após várias evoluções ao longo dos tempos, daria na mítica Casal Boss.

Continue lendo...

2008/04/13

Marlei - Visita de Sterling Moss (parte 1/2)


Há muitos, muitos anos, andava eu à procura de um saco de aspirador, daqueles que são "especiais de corrida" quando entro numa loja que tinha umas molduras com carros antigos... Enquanto não era atendido, olhei melhor para as fotografias (na realidade parece-me que são fotocópias a cores) e reparo que eram do Marlei. Não queria acreditar no que via. Para além da informação disponível na altura ser escassa (a mais acessível estava nas revistas Auto Clássico), eram fotografias que nunca tinha visto.

Isto passou-se na Rua do Almada (rua conhecida pela grande quantidade de lojas de ferragens, ferramentas e máquinas para todos os fins) existente no Porto. Para além desta característica, havia outra que muito apreciava - a prontidão dos lojistas no encaminhamento do cliente para a loja indicada. Quando se pede um artigo, e ele só existe na loja "X" ou "y", não temos de pedir informações ao lojista sobre o local onde se pode encontrar o artigo, é o próprio lojista que dá a indicação do local. Esta situação mostra maturidade de quem está nos negócios - pois nenhuma das partes perde tempo e ambas conseguem levar o seu negócio/tarefa avante mais rapidamente. Coisa que nem sempre se vê noutros sítios!

Outra coisa que entretanto não vi, foi estas imagens divulgadas na Internet ou nas revistas da especialidade. Passados todos estes anos, voltei à loja onde vi as fotografias do Marlei.
Estava um pouco diferente, mas os quadros continuavam em lugar de destaque.
Agora partilho as fotografias com todos os leitores deste blogue, avisando que brevemente haverá mais!

Nesta sequência de 4 fotografias, é possível ver o autor do automóvel Marlei - Mário Moreira Leite, a cumprimentar Sterling Moss (escreve-se "Stirling Moss", piloto de corrida na Fórmula 1 durante as décadas de 50 e 60). Estas fotografias provavelmente datam do ano de 2001 (ou de 2002, quem pode confirmar?...) e foram tiradas no Museu dos Transportes e Comunicações – Edifício da Alfândega, Porto.

A terminar a sequência de fotografias, Mario Leite junto do seu automóvel e atrás destes, a conhecida fotografia dos dois rapazes que seguram a carroçaria (em alumínio) do carro no ar.

Continue lendo...

2008/04/12

Vilar Catita GT na Moita


Mais uma Vilar Catita GT neste blogue. Este modelo esteve à venda na V Automobilia Ibérica da Moita (2008).

Como se pode ver pelas imagens, este exemplar ainda conservava a maioria dos autocolantes em bom estado, mas estava um pouco alterado.

Continue lendo...

2008/04/11

AC Sport Car


Aqui fica mais um automóvel nacional que ainda não consta neste blogue - o AC Sport Car!
A construção do automóvel AC Sport Car, é um projecto que data da década de 80 e foi criado na Figueira da Foz pela empresa A. Cação - Automóveis Lda, na Rua 10 de Agosto, n.º 103-109.
A empresa que o fabricava, utilizava carros (carochas - VW) próprios, mas também aceitava montar o AC Sport Car num carocha que o cliente levasse. A carroçaria era feita em fibra de vidro, com estrutura em tubo de aço. No fundo este projecto tem muitas semelhanças com o ZF 98, de José Oliveira do Soito.
As motorizações Volkswagen iam de 1.2 a 1.6, com 34 e 50 cv respectivamente.

Como se pode ver no folheto distribuído pela empresa (e que nos foi gentilmente cedido por Teófilo Santos - muito obrigado!), as portas de acesso ao interior do veículo eram do tipo "gaivota" - pois abriam para cima. Esta opção era considerada moderna na época. A capota de lona era considerada um equipamento extra.

Quem tiver mais infomações ou imagens sobre este automóvel, faço o favor de as enviar para o nosso e-mail!

Continue lendo...

2008/04/10

Vagões EMEF - Série Kbs (parte 1/2)


Hoje apresentamos os vagões da EMEF (Grupo Oficinal do Porto) da série Kbs (CP).

Entraram ao serviço em Novembro de 2006.

Como se pode ver pelas fotografias, estão destinados ao transporte de madeira em rolaria (troncos de eucalipto, pinho...).

Consta que foram transformados 84 vagões como estes.

São uma prova de que ainda se produzem materias primas neste país e de que as mesmas vão para algum lado...

Continue lendo...

2008/04/09

Autocaravana Andrade


Aqui fica mais uma autocaravana Andrade, ou "autovivenda" como aparece na legenda, retirada de uma revista do ACP (n.º 4, ano LXI) de 1991.
A imagem aparecia integrada num artigo do tipo comparativo, em que autocaravanas nacionais e estrangeiras eram apresentadas detalhadamente e comparadas.
Esta autocaravana estava montada sobre uma carrinha Ford Transit, com capacidade para 5/6 pessoas.

Continue lendo...

2008/04/08

Miniatura de jipe UMM Alter


Muitos entusiastas do jipe UMM sentem falta de uns "mimos UMM" extra para além do seu 4x4 propriamente dito...

Acontece que nem sempre é fácil conseguir esses "mimos UMM", especialmente a preços que sejam "um mimo"!

Este exemplar de uma miniatura do jipe UMM foi realizado pela Del Prado, estando o mesmo integrado numa série de carros/viaturas de bombeiros, com circulação em França (?).

Tem a escala 1:50 e a referência "1990 VSRTT UMM BDU 11 D1L BEMAEX".

Na caixa da miniatura consta que a mesma foi realizada/distribuída em 2004.

Um dia, com um pouco de coragem, talvez me aventure na tarefa de criar minituras das máquinas nacionais - para os "mais grandes" e para os "mais pequenos". O que acham da ideia?

Continue lendo...

2008/04/07

SIS Sachs Lebre


Este modelo de SIS Sachs Lebre tem a particularidade de não ser muito conhecido, em virtude de os coleccionadores de motorizadas nacionais preferirem as versões SIS Sachs Lebre mais antigas.

Esteve à venda na V Automobilia Ibérica da Moita (2008) e pelo que foi observado ainda tinha matrícula das antigas (e estava registada numa "terra de bom vinho"!).

Continue lendo...